segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

CityPass Chicago - parte 1/2


Como prometido, vamos ao post da minha visita em Chicago.

Neve <3_ td="">
Michigan Avenue

Antes mesmo de pisar em solo americano pesquisei sobre como conhecer Chicago rápido, em pouco tempo e com o maior numero de atrações possíveis, pois bem, achei algo tentador: CityPass. Esse talão te dá o direito de visitar cinco atrações, com 52% de desconto e ainda cortar algumas filas - era tudo o que eu precisava para um final de semana e ainda me sobrava algumas horas cedo, já que os parques abrem por volta das nove horas da manhã.
Agora vamos do começo, fiquei hospedada no Best Western (Grant Park), a localização é ótima, bem pertinho das atrações da cidade (já que fiz tudo a pé). Já no sábado de manhã acordei às sete horas e fui andar no Millenium Park para conhecer o famoso "The Bean", um feijão gigante todo espelhado. Ele em si não me chamou tanta atenção, mas sim e neve. Foi a primeira vez que a vi, confesso que pareci uma criança correndo, brincando e pegando a neve com a mão - é fantástico. Recomendo e muito ir para Chicago no inverno, é lindo e não tão caro por ser baixa temporada.
Logo depois comecei a usar o CityPass no Shedd Aquarium, é bem facinho, basta mostrar a confirmação do CityPass que você recebe por e-mail (levei impresso) e ai você já recebe o talão para sair usando.
O Shedd Aquarium é bem bacana, tem até um pouco da diversidade brasileira lá. Mas o mais legal foi ver o show dos golfinhos e ver o leão marinho, devo ter ficado uma hora e meia lá. A aventura 3D (ou 4D, não me lembro) não vale muito a pena, então se estiver em dúvida entre assistir o filminho e ver o show dos golfinhos, corre para a arquibancada.
Vai um pouco de lixo ai tirado do oceano?
Em seguida visitei o Planetário - muito bom. Para ser sincera, eu sou meia apaixonada por planetas, espaço e toda a ciência por trás, então foi muito legal. A primeira atração é assistir um filme em uma sala com teto arredondado onde é projetada uma imagem do espaço e parece tão real que é impossível não se encantar. Em seguida podemos andar pelo planetário vendo objetos da Apolo 13, meteoritos, telescópios e muitas curiosidades que estão ao nosso redor e/ou que fizeram parte da história. Tudo durou mais ou menos uma hora e meia também.

Pernas para que te tenho, fui em seguida para o The Field Museum, recomendo ir nesse por ultimo porque realmente andei muito e levei umas quatro horas para descobrir que ainda não tinha visto tudo. O museu é fantástico, tem ossos de dinossauro, animais empalhados que "oi, isso é que animal?", exposição de insetos, índios, e uma parte enorme dedicada ao Egito. O conhecimento que você adquire no local é imenso e até o filminho é legal de assistir - é muita cultura para apenas três andares.
Para aproveitar o restinho da tarde (que já estava escuro, pois no inverno cinco da tarde já é noite), visitei a Willis Tower - o maior prédio de Chicago onde te dá uma vista maravilhosa da cidade - é maior que a Torre Eiffel e o elevador não te livra da pressão no ouvido, mas vale muito a pena. a Vista é incrível e com o CityPass você consegue cortar uma boa parte da fila.
Para o primeiro dia foi isso, corrido mas consegui ver tudo que tinha programado para o sabadão. Não perca no próximo post as atrações de domingo e acompanhe no insta do blog ou da escritora mais fotos que vou postar da viagem!


11 comentários:

  1. Menina de aventuras é o que é
    e há que aproveitar
    pois o tempo passa por nós sem se dar
    conta... ~_`````
    Gostei em especial da última foto
    grandiosa será o termo.

    Boa estadaia
    e um big Xoxo de aqui dos Calhaus da Serra.

    ResponderExcluir
  2. Que lugar mai lindo, encantada :D

    https://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Nossa, adorei! Nunca tinha pesquisado nada sobre Chicago, os passeios e nada que rola por lá. Fiquei encantada com as fotos, adorei esse planetário e essa vista então?? Também não conheço a neve e tenho certeza que vou me comportar feito criança quando ver ela de pertinho hahahahahah
    Adorei o post, beijos!!
    velharanzinza.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Caramba! Eu só conhecia Chicago pelos filmes e séries,mas não sabia que era tão bonito <3 Amei o post. Bjos :) Segui o blog;

    Faça-me uma visita -> LEH BLOG | INSTAGRAM

    ResponderExcluir
  5. Que ótima tua postagem, Rapha, estás muito entendida... muito minuciosa.
    Sem dúvida, a última foto é deslumbrante, a sensação deve ter sido maravilhosa!
    Aguardo mais, rss
    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  6. Esses "cupons" de desconto são ótimos, pena que os pontos turísticos aqui no Brasil não investem nisso. Amei os lugares que você escolheu para conhecer.

    www.estante450.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Ahhhh, deve ter sido maravilhoso! Nunca tinha ouvido falar do Citypass, mas parece quebrar um galho, né? Deve ser muito mais fácil se organizar usando ele! E olha, eu também viraria uma criancinha vendo neve hahahah
    Um beijão,
    Gabs | likegabs.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir
  8. Ah Rapha, cê perguntou qual era o meu insta e é esse ó: @g.a.briela (se não me achar por causa dos pontos me passa o teu que eu sigo!), espero que goste <3

    ResponderExcluir
  9. Olá amigo(a)!

    Gostei do seu blog e já estou seguindo...

    Abraços!

    - tavaresplugado@blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Que fotos lindas, Chicago parece ser muito incrível
    Beijos
    lolamantovani.blogspot.com.br

    ResponderExcluir